Biblioteca de Obras Raras Átila Almeida
Obra do mês de julho: livro “Antologia Poética”
1 de julho de 2019
Te amo sin saber cómo, ni cuándo, ni de dónde,te amo directamente sin problemas ni orgullo:así te amo porque no sé amar de otra manera,sino así de este modo en que no soy ni eres,tan cerca que tu mano sobre mi pecho es mía,tan cerca que se cierran tus ojos con mi sueño. De uma Leia Mais...
Obra do mês de junho: livro “Eu”
14 de junho de 2019
“Tenta às vezes, porém, nervosa e louca/Esquecer por momento a mágoa intensa/Arrancando um sorriso à flor da boca.” (Sofredora, Augusto dos Anjos) Numa época em que a depressão é considerada como mal do século, a contemporaneidade instaura uma crise existencial sem precedentes na história ocidental, tanto objetivamente quanto subjetivamente. Parte desse contexto, um dos problemas Leia Mais...
Obra do mês de maio: livro “Antologia Poética”
13 de junho de 2019
A Biblioteca de Obras Raras Átila Almeida da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) colocará à disposição do público, dentro do projeto “Obra do Mês”, o livro “Antologia Poética”, do poeta e compositor Vinícius de Moraes. Nesta obra há inúmeras poesias dedicadas ao misticismo religioso, à sensualidade, às críticas sociais e ao amor em muitos sonetos Leia Mais...
Obra do mês de Abril: livro “Indiologia”
12 de abril de 2019
A Coordenação de Bibliotecas da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promove, na próxima quarta-feira (10), às 9h, no Auditório da Biblioteca Central, no Câmpus de Bodocongó, a mesa de debate “Diálogos sobre a representação indígena no Brasil: as cosmovisões das culturas de pertencimento”. O evento é alusivo às reflexões realizadas ao longo do mês de Leia Mais...
Obra do mês de Julho: “Registro fotográfico histórico da construção do Parque do Povo, 1986”
4 de julho de 2018
Ainda contagiados com a atmosfera alegre e simbólica de uma das maiores festividades de nossa região, o São João, a Obra do Mês de Julho é um registro fotográfico histórico da construção do Parque do Povo, pertencente ao acervo do Diário da Borborema e salvaguardado pela Biblioteca de Obras Raras de Átila Almeida. Festejado desde Leia Mais...
Obra do mês de Junho: Cordel “São João Também é História” de Manoel Monteiro.
11 de junho de 2018
São João também é história. É tempo de comemoração, de festejos, de colheita, de alegria, de tradição (inter)cultural, de literatura de cordel. Com a semente do sincretismo religioso dos legados pagão e cristão, as festas juninas valorizam os patrimônios culturais locais e revelam muitos elementos históricos, religiosos e até mitológicos. Contagiados por essa atmosfera alegre, Leia Mais...
Obra do mês de Maio: Classificação dos escravos para serem libertados pelo fundo de emancipação de Campina Grande, 1876.
4 de maio de 2018
“Senhor Deus dos desgraçados! /Dizei-me vós, Senhor Deus, /Se eu deliro… ou se é verdade /Tanto horror perante os céus?!… /Ontem simples, fortes, bravos. /Hoje míseros escravos, /Sem luz, sem ar, sem razão…” Parte de um dos poemas épicos mais conhecidos da literatura brasileira, Navio Negreiro, do escritor Castro Alves, estes versos reverberam em um Leia Mais...
Obra do mês de Abril: Obras completas de Jorge Luis Borges, 1998.
5 de abril de 2018
    “Sempre imaginei que o paraíso seria algum tipo de biblioteca.”, registrou um dos maiores escritores da literatura universal, Jorge Luís Borges, em Poema de los dones, de 1955. Em alusão ao dia do bibliotecário comemorado em 12 de março, o Acervo Dr. Severino Bezerra de Carvalho, pertencente à Biblioteca de Obras Raras Átila Almeida, Leia Mais...
Obra do mês de Março: Enciclopédia da mulher pela Editora Globo S. A, 1961.
1 de março de 2018
A igualdade de gênero é tema recorrente nas discussões contemporâneas, principalmente no que se refere aos seus efeitos de sentido e às relações de poder dentro da sociedade. Nesse sentido, são ressaltados os discursos sobre o papel da mulher ao longo da história que reforçaram estereótipos de subserviência e sustentaram discursos de violência contra o Leia Mais...
Obra do mês de Dezembro: “O Livro de Natal” de 1947, publicado pela Livraria Martins.
4 de dezembro de 2017
O mês de dezembro é marcado por uma das festividades mais importantes e simbólicas para a cultura ocidental cristã: o Natal. Tempo de repensar, de recomeçar e de se transformar, o Natal desperta profundas reflexões sobre a vida e as ações humanas. Na literatura, fonte inesgotável de conhecimento e estudo sobre as representações e comportamentos humanos, Leia Mais...